Em foco

A maior inovação que a Apple poderia fazer com o iPhone XS? O preço

Apple irá anunciar nova geração de iPhones nesta semana; Mas na possível ausência de qualquer reformulação significativa, Apple terá de competir no preço

Data: 11.09.2018

A maior inovação que a Apple poderia fazer com o iPhone XS? O preço

Há muita especulação sobre o que a Apple vai anunciar no dia 12 de setembro. E não é algo incomum. Seria mais preocupante se não houvesse especulações, vazamentos e rumores sobre o hardware mais recente da Apple. Notícias pré-anúncio parecem ser quase metade do que impulsiona a imprensa de tecnologia neste momento.  Mas agora estamos a apenas dois dias do grande evento da companhia, o Gather Round. 


E, se você acredita nos rumores, a Apple está querendo anunciar três novos smartphones brilhantes - todos um pouco melhores que os últimos anos. Estamos falando de um processador um pouco melhor, uma duração de bateria levemente maior e uma câmera um pouco mais nítida. Se tudo isso soa como uma atualização bastante comum e incremental, é porque será.


Em 2017, quando eles quebraram o molde e colocaram várias tendências em movimento com o iPhone X, 2018 parece estar de volta aos negócios de sempre. Mas e se os negócios, como de costume, não fossem bons o suficiente para a Apple?


E se a empresa visasse um pouco mais? Quero dizer, claro. O último relatório de lucros trimestrais da empresa registrou receitas de US$ 53,3 bilhões, um aumento de 17% em relação ao ano anterior. Eles dificilmente correm o risco de ir à falência. Eles passaram um valor de mercado de US $ 1 trilhão em agosto.


Ainda assim, pense comigo.


Acredito que, na ausência de qualquer reformulação significativa no nível do X no iPhone ou em adições de software que mudem o jogo, o iPhone 2019 da Apple terá de competir em preço. Especificamente, eles procurarão reduzir os principais fornecedores do Android, como Samsung, Google, Oppo e Huawei.


Dada a reputação da Apple de extrair cada dólar de sua legião de fãs e cobrar cada dólar que conseguir, posso entender porque essa possibilidade pode causar ceticismo. Isso é totalmente justo. Há uma boa chance de a Apple não procurar seguir esse caminho. No entanto, ainda acho que há um argumento forte o suficiente para não descartá-lo.


Em 2018, as guerras de marcas do mundo da tecnologia de consumo são o teatro. Especialmente entre os entusiastas.


Samsung consegue isso. É por isso que veiculam campanhas publicitárias inteiras baseadas na tentativa de manchar a marca da Apple. É por isso que eles aproveitaram todas as oportunidades para destacar a ausência de um entalhe e a inclusão contínua de um fone de ouvido em seus dispositivos durante as entrevistas coletivas.


Fonte: IDGNow!



Voltar