Em foco

Pesquisa da Proteste compara Samsung Pay, Apple Pay e Google Pay

Em avaliação, organização de defesa do consumidor aponta os principais prós e contras de cada uma das plataformas de pagamentos.

Data: 06.08.2018

Pesquisa da Proteste compara Samsung Pay, Apple Pay e Google Pay

A Proteste avaliou recentemente três dos principais de carteiras virtuais para smartphones disponíveis no Brasil: Apple Pay, Google Pay e Samsung Pay. Em sua análise, a organização de defesa do consumidor aponta os principais prós e contras de cada uma das plataformas de pagamentos.


Entre diferentes pontos, foram verificados aspectos como compatibilidade com aparelhos e bancos e o processo de instalação e inserção dos dados dos cartões.


Todos os três funcionam a partir de uma premissa similar: armazenam os dados do cartão no app para que os pagamentos sejam realizados ao apenas aproximar o smartphone da máquina de cartão – a autenticação é feita via impressão digital ou reconhecimento facial.


O Proteste destaca que os usuários precisam ficar atentos a alguns pontos na hora de escolher o serviço de pagamento para o celular: tipo do aparelho e sistema operacional, ao banco e ao cartão. 


Por exemplo, o Google Play e o Apple Pay funcionam por meio da tecnologia NFC (Near Field Communication), enquanto que o Samsung Pay é compatível com o padrão MST (Magnetic Secure Transmission) e o já citado NFC.


Confira abaixo a avaliação geral da Proteste sobre os três serviços:


Samsung Pay


Aparelhos: a partir das versões Galaxy S6, Note 5, A52010 ou J5 Pro


Bancos: Bradesco, Banco do Brasil, Neon, Inter, Banrisul, Caixa, Next, Porto Seguro, Santander e Brasil Pré-Pagos Avaliação de usuários Android: 4.7


PRÓS: Aceita mais bancos do que os outros aplicativos e pode ser usado em mais máquinas porque disponibiliza as tecnologias MST e NFC.


CONTRAS: Pode ser baixado em apenas alguns aparelhos Samsung. Não aceita todos os bancos e cartões, nem é mais rápido quanto aos outros aplicativos. 


Google Pay


Aparelhos: modelos com Android versão KitKat 4.4 ou mais recente


Bancos: Banco do Brasil, Banrisul, Bradesco, Caixa, Neon, Porto Seguro e Brasil Pré-Pagos


Avaliação de usuários Android: 4.2


Prós: Funciona em mais aparelhos do que os outros aplicativos. É rápido e traz ofertas exclusivas.


Contras: São aplicáveis apenas para aparelhos Android, versão KitKat 4.4, e posteriores. Não aceita todos os bancos, nem cartões, e pode ser usado apenas em máquinas com NFC.


Apple Pay


Aparelhos: do iPhone 6 em diante e nos iPad (2017 e 2018), iPad Pro, iPad Air 2 e iPad mini 3 e iPad mini 4 (todos devem ter o iOS atualizado a partir do iOS 11.2).


Bancos: Apenas Itaú (até julho de 2018)


Avaliação de usuários iOS: não há


Prós: É rápido e pode ser usado no MacBook Pro com Touch ID.


Contras: Funciona apenas em alguns aparelhos Apple. Inicialmente, é restrito ao banco Itaú e é aceito somente em máquinas com NFC.


Fonte: IDGNow!


 



Voltar