Em foco

Cabo Verde: "Empenho e abnegação dos técnicos da ANAC foram cruciais para implementação da TDT"

Presidente da Comissão e Implementação e Acompanhamento de Transição do Sistema Analógico para a Televisão Digital Terrestre (TDT) de Cabo Verde elogiou os trabalhos desenvolvidos pelos membros da comissão e pelo órgão regulador.

Data: 09.04.2018

Cabo Verde:

A Comissão de Implementação e Acompanhamento de Transição do Sistema Analógico para a Televisão Digital Terrestre (TDT), esteve reunida, na Sala Multiusos da Agência Nacional de Comunicações (ANAC), naquilo que foi considerado o último encontro dessa equipa multidisciplinar, presidida pela ANAC, já que o Governo criou a empresa que, doravante, irá gerir a TDT - Cabo Verde Broadcast (CVB).


A CVB é, de acordo com o Decreto-lei nº 58/2017, de 15 de Dezembro, uma empresa de capital público que terá, entre outras tarefas ligadas às comunicações eletrónicas, a prestação de serviços agregados de conteúdos, transporte e distribuição de sinais de televisão, em formato digital.


O encontro de quarta-feira passada, 4 de Abril, reuniu membros e representantes de várias instituições públicas e privadas que contou, ainda, com as presenças do Ministro da Cultura e Industrias Criativas, Abraão Vicente e do Secretário de Estado Adjunto para Inovação e Formação Profissional, Pedro Lopes, tendo sido presidido pela ANAC, na qualidade de presidente da Comissão da TDT.


De acordo com o ministro Abraão Vicente, que irá tutelar a CVB, cujos membros dos órgãos sociais tomarão posse na próxima terça-feira, 10, esta empresa nasceu com a garantia do Governo de que a TDT é mesmo para continuar e de forma sustentável. “A CVB não nasceu isolada. Ela tem como um dos principais propósitos, trabalhar junto dos operadores de televisão, em ordem a libertação de sinais do espectro radioelétrico, que lhes permitam apostar na qualidade de produção e rigor dos seus conteúdos, para os cabo-verdianos”, garante o ministro da cultura que responde pelo setor da comunicação social.


Ainda durante a sua intervenção, Abraão Vicente sublinhou o papel da ANAC e os resultados visíveis desta primeira fase de implementação do projeto TDT e reafirma o total engajamento do Executivo, naquela que será a segunda fase deste investimento tecnológico, com a criação e funcionamento da CVB. “Só para terem uma ideia, em todo o país, neste momento, temos uma cobertura da TDT, que ronda os 75 por cento”, afiança aquele governante.


Por seu turno, o presidente da Comissão da TDT, David Gomes elogiou os trabalhos desenvolvidos pelos membros da comissão e destacou o empenho e a abnegação dos técnicos da ANAC, durante todo o processo de implementação e acompanhamento da transição do sistema analógico para a Televisão Digital Terrestre.


Recorde-se, ainda, que durante a reunião, os membros da comissão aprovaram o memorando da reunião anterior, passaram em revista a situação económico-financeira da TDT, com a apresentação, análise e aprovação do relatório de atividades e contas, bem como os relatórios do concurso público para a construção e manutenção dos Centros de Emissores em Santo Antão e São Nicolau.


Fonte: ANAC



Voltar